Retorno sobre investimento: o que é ROI e como calculá-lo em TI?

Investir em tecnologia é essencial para que as empresas consigam se manter ativas no mercado nos dias de hoje. Cada vez mais os processos manuais estão sendo substituídos por softwares de gestão e aplicativos, por exemplo. E, para que isso tudo funcione de forma harmoniosa, ter um trabalho de Tecnologia da Informação eficiente é imprescindível.

Compartilhe esta notícia

Porém, como saber se o investimento em TI está trazendo os resultados esperados pela organização? Para isso, o cálculo do retorno sobre investimento, o popular ROI, se faz necessário. Siga conosco e entenda o que é essa métrica e como calculá-la em TI.

 

O que é o retorno sobre o investimento (ROI)?

O retorno sobre investimento ou simplesmente ROI é uma equação na qual todos os custos de compra precisam ser somados. Em seguida, deve ser calculada a porcentagem dos custos gerados em determinado período.

 

O cálculo do ROI pode ser feito por meio da seguinte fórmula matemática:

ROI = (retorno – custo de investimento) / custo de investimento x 100

 

O ROI pode ser computado para verificar o retorno em qualquer área da empresa e não somente do setor de TI.

 

Como calcular o ROI em TI?

Falando especificadamente nos investimentos em tecnologia, o período sugerido para ser mensurado é de 5 anos. Isso se justifica porque esse é o tempo médio para que um software se torne obsoleto.

 

Para calcular o ROI em TI, é preciso levar em consideração um passo a passo, que será comentado a seguir.

 

Adicione os custos

Adicione todos os valores de investimentos que você fez em TI, como a compra de licença de softwares, hardwares e equipamentos adquiridos, equipamentos de informática e telefonia, bem como o suporte etc.

 

Também devem ser somados valores como o do treinamento que foi realizado para que os funcionários pudessem operar os sistemas, entre outros.

 

Some os benefícios

Somar os benefícios é um pouco mais complicado do que calcular os gastos. Isso porque os números são pouco mensuráveis e é preciso já pensar nesses indicadores antes mesmo de aplicar a fórmula do ROI.

 

Um software implementado no setor de vendas, por exemplo, pode fazer com que os vendedores consigam vender mais e trazer mais lucros para a empresa. Assim, esse aumento da produtividade deve ser medido. O mesmo precisa ser realizado em todos os setores que se beneficiem, de alguma forma, com a área de TI.

 

Feito isso, basta que a fórmula do ROI seja aplicada, conforme exemplificamos no tópico anterior.

 

Quais são as vantagens de medir o ROI?

Medir o ROI da TI nas empresas é importante para que se possa otimizar recursos, buscar o aumento da produtividade e ter um maior controle sobre os investimentos.

 

Assim, é mais fácil identificar o que está sendo positivo e o que precisa ser melhorado no setor de TI para que as organizações possam colher melhores resultados.

 

Compreendido o que é retorno sobre investimento (ROI) e como aplicá-lo na área de TI? Esperamos que a sua resposta seja positiva e que esteja disposto a fazer esse cálculo na sua empresa.

 

Quer receber mais conteúdos interessantes como este em seu e-mail? Que tal então assinar a nossa newsletter? Dessa forma poderemos enviar nossos materiais em primeira mão.

Avalie o artigo:

Retorno sobre investimento: o que é ROI e como calculá-lo em TI?
  • 0,00 de 5

  • 0 Avaliações
0

Deixe um comentário


0 Comentários