Gestão da TI: 4 motivos para você ter na sua empresa

 

A Tecnologia da Informação (TI) de uma empresa é um dos setores mais valiosos. Uma gestão da TI assegura que o sistema forneça boa comunicação interna e gerenciamento de dados, além de recuperação rápida com tempo de inatividade mínimo em caso de emergências.

 

 

Compartilhe esta notícia

 

Sabendo disso, é evidente que à medida em que o panorama tecnológico cresce, a necessidade de recursos da TI também aumenta. A ausência de uma gestão da TI, por outro lado, pode trazer sérios problemas para uma empresa. Seus servidores de e-mail podem ficar indisponíveis, por exemplo, impedindo o contato com clientes.

Neste artigo, mostraremos o que é gestão de TI e 4 motivos para adotá-la na sua empresa, além de algumas práticas para manter uma boa gestão. Confira:

 

O que é gestão da TI?

A gestão de TI é o processo pelo qual todos os recursos relacionados à tecnologia da informação são gerenciados de acordo com as prioridades e necessidades de uma empresa.

Isso inclui recursos tangíveis, como hardware de rede, computadores e pessoas, e recursos intangíveis, como softwares e dados. O objetivo central da gestão de TI é gerar valor por meio do uso inteligente da tecnologia.

Uma gestão de TI está equipada para lidar com problemas e evitar atrasos devastadores. Para isso, estratégias e recursos tecnológicos devem se manter alinhados.

 

Por que as empresas devem investir em gestão de TI?

Saber gerenciar as ferramentas da tecnologia é a principal maneira de investir no crescimento de qualquer empreendimento. De maneira geral, é o trabalho do gestor de TI mostrar como as novas tecnologias podem ajudar a melhorar a produção e gerenciamento das atividades.

As necessidades a curto e a longo prazo são os critérios utilizados para definir quais recursos serão aplicados. A seguir, confira os motivos para ter uma boa gestão de TI na sua empresa:

 

1. Sobrevivência no mercado

A tecnologia da informação simplifica a escala das operações, além de monitorar o crescimento, para obter feedback em tempo real sobre o desempenho da sua empresa.

As mudanças rápidas no mercado exigem que a sua empresa evolua de forma rápida e efetiva. A sua infraestrutura de TI deve apoiar as demandas de um cenário econômico em constante mudança.

 

2. Redução de custos

Com uma gestão de TI adequada, é possível identificar os custos prioritários e excessivos. A prioridade de investimento pode variar entre as empresas, mas vale a pena analisar os custos referente à produção, vendas, marketing, finanças e administração.

Após identificar os investimentos indispensáveis, é possível eliminar os custos desnecessários da empresa, fortalecer laços com fornecedores estratégicos, além de analisar e avaliar o desempenho da empresa.

 

3. Alinhamento dos departamentos ao objetivo da empresa

Para realizar negócios em um mercado competitivo, as organizações devem contar com uma rede de comunicação multidimensional e bem coordenada, permitindo que as interações aconteçam sem impedimentos entre colaboradores e clientes.

Uma empresa precisa de serviços de TI dedicados a compensar despesas desnecessárias e realizar comunicações diárias dentro da organização, com colaboradores externos e clientes.

 

4. Segurança de dados

A segurança é outra característica muito importante para as empresas. Contar com uma gestão de TI significa prevenir-se de possíveis ameaças de hackers e garantir soluções rápidas em casos de problemas. 

Se a sua segurança de TI não estiver alinhada aos padrões modernos, a empresa estaará suscetível a violações da segurança dos dados, e isso pode comprometer informações confidenciais da empresa e dos clientes.

A gestão da TI pode realizar o monitoramento dos dados, acompanhamento das atualizações dos sistemas e a disseminação de uma política de segurança contra ataques cibernéticos para os funcionários. Dessa forma, mantém-se toda a empresa segura.

 

Melhores práticas relacionadas à gestão da TI

Algumas práticas podem garantir uma gestão da TI eficiente no dia a dia de trabalho de uma empresa. A seguir, confira algumas delas:

 

 

 

Mantenha-se atualizado

É fundamental que os gerentes de TI estejam atualizados com as novas tecnologias, com o intuito manter a empresa dentro dos últimos padrões de segurança e praticidade na gestão da TI.

Os gestores devem avaliar as necessidades mais urgentes da sua empresa e criar programas que atendam a essas demandas, sem causar prejuízos ao andamento das atividades cotidianas da empresa.

Os gerentes de TI devem estar atentos às tendências tecnológicas e procurar estratégicas que se traduzem em sucesso comercial.

 

Tenha um excelente suporte técnico

Ninguém gosta de ficar aguardando, especialmente quando tem um problema crítico que precisa ser resolvido. Então, para evitar que os clientes fiquem chateados, certifique-se de que os seus canais de suporte técnico estejam devidamente equipados.

Caso não haja atendentes disponíveis, os clientes devem contar com a opção de deixa uma mensagem ou saber que, ligando dentro de um dia, no máximo, receberão o suporte adequado da sua organização.

O importante é fazer com que o cliente sinta que o seu problema foi acolhido pela empresa, com chances reais de solução. Idealmente, o suporte técnico precisa estar sempre pronto para escutar e resolver eventuais problemas ou dúvidas.

 

Tenha uma equipe capacitada

Os gestores devem concentrar a sua atenção no treinamento da equipe e na implementação de processos de gerenciamento de mudanças para manter os usuários satisfeitos.

Esses profissionais trabalham em estreita colaboração com executivos e chefe de departamento, para identificar, desenvolver e apoiar novas soluções de tecnologia.

Além disso, é importante que haja oportunidades de capacitação e coaching para a equipe de suporte, compartilhando conhecimento e monitorando todos os problemas e soluções realizadas.

Os gestores devem incentivar a comunicação por meio do agendamento de reuniões individuais, feedback e avaliações para ajudar a identificar os pontos fortes e fracos dos colaboradores. Isso pode ajudar a engajar funcionários e evitar uma sobrecarga de trabalho.

Portanto, como vimos, a gestão da TI pode auxiliar a empresa no aumento da  segurança, satisfação do cliente, produtividade e lucratividade. Cabe às organizações perceberem essa relevância e começarem a investir nessa área que cresce cada vez mais.

 

Gostou do artigo? O que você pensa sobre a gestão da Tecnologia da Informação nas empresas? Queremos saber a sua opinião. Deixe a sua ideia nos comentários!

Avalie o artigo:

Gestão da TI: 4 motivos para você ter na sua empresa
  • 5,00 de 5

  • 2 Avaliações
0

Deixe um comentário


0 Comentários